Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mais sobre mim

foto do autor


images (74).jpg

Olá papás...

 A Fitoterapia é a terapêutica que utiliza como ingredientes terapêuticos, substâncias provenientes de plantas que previnem e tratam determinadas patologias. Os princípios ativos são as substâncias químicas produzidas pelas plantas que lhe conferem a ação terapêutica e promovem a saúde. Muitas pessoas pensam que por ser natural, a Fitoterapia é isenta de efeitos colaterais, mas a utilização da dose incorreta da planta indevida ou auto-medicação errada, podem causar efeitos colaterais indesejáveis. É importante ser seguido por um Fitoterapeuta ou Naturopata.

 

 

 

plantas4.jpg

 A Fitoterapia Pediátrica, pode ser muito útil se utilizada com precaução e por pais informados, pois existem plantas que podem ser tóxicas nas crianças. A idade permitida para utilização das plantas medicinais varia com relação a cada espécie e forma de utilização. É importante que sejam respeitadas as indicações, dosagens e formas de administração sugeridas pelo profissional de saúde para que a utilização da Fitoterapia seja segura e eficaz, já que a criança é diferente do adulto e as indicações são diferentes conforme a faixa etária. A Fitoterapia pode contribuir para o tratamento e prevenção de doenças comuns da infância.

Existem diferentes formas de uso da fitoterapia: Banhos, inalações, infusões (chás), decocções (chás), cataplasmas, xaropes, pomadas, tinturas, etc.  O  objetivo deste artigo, é ajudar os pais na escolha acertada da planta, quando a criança apresenta determinados sintomas ou doença. O uso de qualquer uma delas deve ser retirado, caso a criança tenha algum tipo de reação alérgica após a sua utilização.

 

PLANTAS  S.O.S  (para ter sempre em casa):

 

 

ALHO (Allium sativum) fresco -  Parasitas intestinais, tosse, constipações, infeções, catarro, febre (clister do chá) - Infusão

 

ALOÉS (Aloe vera) - Queimaduras, picadas de insetos, dermatite da fralda, fissuras anais, eczema - Gel

 

ALTEIA raiz (Althaea officinalis) - Gengivas doridas (nascimento de dentes - colocar 1 colher de sopa da infusão na comida do bebé), tosse seca, rinite, laringite, faringite, gastroentrite, obstipação - Decocção

 

ARNICA (Arnica montana) - Hematomas, contusões, equimoses (nódoas negras) dores e inflamações. Não utilizar em feridas abertas - creme ou gel

 

ARTEMISIA (Artemisia vulgaris) - Febre, parasitas intestinais, cólicas flatulentas, convulsões infantis - Infusão para crianças com + 2 anos

 

CALÊNDULA (Calendula officinalis)  - Dermatite da fralda (assaduras), eczemas, frieiras, cortes, queimaduras, comichão anal, crosta láctea - Creme ou gel

 

CANELA (pau) - Vómitos, náuseas, diarreia, falta de apetite, perturbações digestivas - Infusão para crianças com + 2 anos

 

CAMOMILA (Matricaria chamomilla) flores - Dores estômago, cólicas intestinais, insónias, otalgia (dor de ouvido), hiperatividade, dermatite da fralda (assaduras - lavar a zona com o chá frio, mas não fresco), conjuntivite ( aplicar o chá frio num algodão e limpar os olhos várias vezes ao dia, um algodão para cada olho), dentição - Infusão

 

CEBOLA (Allium cepa) - Asma, catarro, pneumonias - cortar rodelas de uma cebola, regar com mel e aguardar 2h, administrar o xarope que ficou 3 a 4xdia, 1col.sobremesa (+2anos); Laringite, rouquidão - decocção da casca 15 minutos, no fim pode adicionar Perpétuas roxas ou Eríssimo e mel.

 

CIDREIRA (Melissa officinalis) - Flatulência (gases), indigestão, asma, febre, alergias, birras (calmante) - infusão

 

FUNCHO (Foeniculum vulgare) - Flatulência, cólicas, indigestão - Infusão das sementes ou decocção da raiz

 

GENGIBRE (Zingiber officinalis) fresco - Indigestão, febre, enjoos, constipações, amigdalite, rouquidão, bronquite, obstipação - Infusão

(ver posologia no post http://oprincipezinhocomebrocolos.blogs.sapo.pt/tag/gengibre+benef%C3%ADcios )

 

HORTELÃ-verde (Mentha spicata) - Cólicas flatulentas, febre, indigestão, dores de estômago, lombrigas e oxiúros, dores de cabeça - Infusão

 

HORTELÃ-PIMENTA (Mentha piperita) - Recuperação de ferimentos ou intervenções cirúrgicas, cólicas intestinais, constipação, indigestão, tosse, mau hálito, gripe, febre, otalgia, lombrigas e oxiúros - Infusão para crianças com + 4 anos

 

PAU

SABUGUEIRO (Sambucus nigra) - Constipação, gripe, febre, bronquite e bronquiolite, rinite,sarampo, tosse, hemorróidas (internamente e externamente), conjuntivite (infusão aplicada externamente com um algodão)  reforça o sistema imunitário - Infusão

 

TÍLIA (Tília) - Ansiedade, insónia, febre, tosse, cólicas, dores de cabeça - Infusão

 

 

infusões (chá) - deitar a água (1litro) a ferver sobre a planta (1 colher de sopa) e repousar 10/15 minutos

decocção (chá)-  Ferver 1 litro de água com 1colher de sopa da planta durante 5 minutos e repousar 10 minutos.

 

Nota: As quantidades de planta para cada litro de água, varia de espécie para espécie, mas para crianças, utilizo sempre esta dosagem por segurança. Para modificações na posologia, terá que ser estudado cada caso individualmente e acompanhado pelo profissional de saúde.

Nota 2: Estas infusões são feitas mesmo com as plantas, não com saquetas. 

Nota 3: Pode juntar mais que uma planta numa infusão, para um melhor resultado, mas não se esqueça, no total tem que ficar 1 colher de sopa para 1 litro de água

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.




Mais sobre mim

foto do autor